Amor, Sexo & Errância

Pontos e pintas 

Revisitando as sardas
E as formas geométricas que formam
Se eu ligar os pontos
Desenho de volta sobre suas costas 
As linhas apagadas
Que, escritas a lápis, 
Ainda assim marcaram, 
com profundidade, 
A folha de papel.
Releio então as linhas
Das pintas ruivas redondas 
Lindas!
E defino em tinta
Todos os rascunhos que fiz
Sempre sabendo 
que esta seria afinal
A minha melhor versão 

Anúncios
Padrão